Pesquisar
Close this search box.

Campanha Volta às Aulas capacita transportadores de escolares

Segundo o coordenador da Cocrep, Régis Otávio, a ação é a primeira de muitas


Segundo o coordenador da Cocrep, Régis Otávio, a ação é a primeira de muitas com a função de aproximar a autarquia dos prestadores

Em razão do retorno do ano letivo, o Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) reuniu mais de 90 transportadores de escolares em evento de capacitação e acolhimento, promovido pela Coordenação de Gestão de Credenciamento de Entidades e Profissionais (Cocrep) em parceria com a Diretoria de Educação de Trânsito (Direduc).

Além de orientações sobre os aspectos legais das autorizações para o serviço, os participantes tiveram um momento de reflexão sobre direção defensiva, relações interpessoais e respeito à legislação de trânsito, com a professora Gizilene Ribeiro. “Vocês não apenas cumprem um contrato com a família, mas também atuam diariamente como educadores de trânsito, ao servirem de modelo a ser seguido no cumprimento das regras de trânsito”, destacou a professora, enfatizando o valor das vidas transportadas por cada um e as atitudes positivas necessárias à segurança do trânsito, como solidariedade, cooperação, gentileza, cortesia, tolerância e empatia, por exemplo.

O encontro também abordou os três documentos obrigatórios para a prestação do Serviço de Transporte Coletivo de Escolares (STCE): a autorização de serviço emitida para pessoa física ou jurídica, com validade de três anos; a autorização de tráfego para cada veículo, renovada a cada seis meses por meio de vistoria veicular; e o registro de condutor, que deve ser renovado a cada 12 meses com a apresentação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) válida, a certidão criminal do TJDFT, o curso do transporte escolar válido e o nada consta de multas que não conste mais de uma infração gravíssima nos últimos 12 meses.

Segundo o coordenador da Cocrep, Régis Otávio, a ação é a primeira de muitas com a função de aproximar a autarquia dos prestadores do STCE. “Nós queremos uma categoria qualificada e comprometida com a boa prestação do serviço de transporte de nossas crianças e adolescentes”, reforçou ele.

Campanha Volta às Aulas

Para que a população do DF tenha uma volta às aulas com segurança no trânsito, o Detran-DF tem investido em ações que envolvem as áreas de Educação, Engenharia e Fiscalização. As reformas nas faixas de pedestres nas proximidades das escolas é prioridade da Diretoria de Engenharia. Também já estão planejadas pela Direduc e Cocrep, atividades educativas junto às escolas, visando conscientizar os pais e responsáveis sobre os cuidados no transporte das crianças, na circulação nas imediações das escolas e na contratação do serviço de transporte escolar.

A Diretoria de Policiamento e Fiscalização (Dirpol) vai intensificar, a partir da próxima semana, as operações de fiscalização dos veículos que transportam as crianças. Condutores que estiverem realizando transporte escolar sem a devida autorização, cometem infração gravíssima prevista no inciso XX do artigo 230 do Código de Trânsito Brasileiro, e estão sujeitos a multa de R$ 1.467,35 e sete pontos na CNH, além do veículo ser removido ao depósito.

*Com informações da Agência Brasília


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Fonte: JBR

Fique ligado em tudo o que acontece em Brasília

Cadastra-se para receber atualizações exclusivas, novidades e descontos exclusivos.

Você sabia que o Agita Brasília está no Facebook, Instagram, Telegram, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.