Pesquisar
Close this search box.

Copeiros terceirizados que atuam na rede pública de saúde do DF fazem cursos de dietoterapia

Prática tem como finalidade ofertar a pessoas doentes, alimentos ou nutrientes adequados de forma


Prática tem como finalidade ofertar a pessoas doentes, alimentos ou nutrientes adequados de forma que melhor se adequem à patologia que possuem

Alguém já ouviu falar em dietoterapia? A prática tem como finalidade ofertar a pessoas doentes alimentos ou nutrientes adequados de forma que melhor se adeque à patologia existente. Na tentativa de introduzir essa noção e produzir refeições mais nutritivas, saborosas e adequadas ao estado de saúde dos pacientes, uma empresa terceirizada para prestação de serviço de fornecimento de alimentação em hospitais públicos deu início a um curso para copeiras e copeiros da rede pública de Saúde do Distrito Federal voltado para dietoterapia.

Estes profissionais têm feito vários cursos de aperfeiçoamento desde dezembro passado, sendo que o último foi realizado no final de janeiro. Está sendo ministrado por parte de nutricionistas especializadas.

“A dietoterapia consiste num conjunto de alimentos consumidos pela pessoa que podem ser ajustadas de acordo com diferentes objetivos. Leva em conta, inclusive, critérios como individualidade bioquímica, equilíbrio nutricional dos pacientes, variedade e diversidade alimentar, adequação às necessidades específicas de cada pessoa, qualidade dos alimentos, avaliação nutricional, educação alimentar e controle de doenças crônicas”, explica a nutricionista Lôide France.

France, que trabalha pela empresa responsável pelo treinamento no Hospital Regional de Santa Maria e foi quem ministrou o último curso — para 40 pessoas, entre copeiras e copeiros — ressaltou que os resultados têm sido excelentes. “Todos os alunos demonstraram interesse pelo tema, tiraram várias dúvidas sobre os tipos de dieta e a dietoterapia propriamente. Além disso, mostraram curiosidade sobre diferenças no trabalho a ser desenvolvido dentro de um hospital na área onde atuam, já que servem alimentos para pessoas doentes”, informou.

Segundo o CEO da empresa, Waldenes Barbosa, o intuito desses cursos é envidar todos os esforços para tornar o serviço prestado mais eficiente, “além de modernizar e incrementar o atendimento prestado junto a este segmento”.

 


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Fonte: JBR

Fique ligado em tudo o que acontece em Brasília

Cadastra-se para receber atualizações exclusivas, novidades e descontos exclusivos.

Você sabia que o Agita Brasília está no Facebook, Instagram, Telegram, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.