Pesquisar
Close this search box.

Dengue: Ceilândia, Brazlândia e mais nove cidades recebem fumacê nesta semana

Para a população, é recomendável que, ao perceber a presença do veículo de aplicação


Para a população, é recomendável que, ao perceber a presença do veículo de aplicação do fumacê na rua, abra portas e janelas para o produto entrar

Após a Secretaria de Saúde confirmar um aumento de 207% no número de casos prováveis de dengue na capital entre 31 de dezembro de 06 de janeiro, o Governo do Distrito Federal (GDF) ampliou o combate ao Aedes aegypti nesta segunda quinzena do mês. Nesse período, o fumacê será aplicado em 11 regiões administrativas: Recanto das Emas, Santa Maria, Gama, Brazlândia, Taguatinga, Ceilândia, Plano Piloto (Asa Sul), Cruzeiro, Lago Sul, Sudoeste e Samambaia.

A aplicação do inseticida de ultrabaixo volume (UBV) está sujeita às condições meteorológicas e não é feita quando está chovendo. Além disso, os técnicos vão às ruas preferencialmente das 4h às 6h e das 17h às 19h, conforme explica o diretor de Vigilância Ambiental do DF (Dival), Jadir Costa Filho. ‌A data e os endereços da aplicação podem ser conferidos abaixo.

Recanto das Emas
→ Segunda (15): quadras 12, 113, 115 300, 307, 308, 309, 311, 405, 511 e 801

Santa Maria
→ Terça (16): QRs 117, 209, 210, 213, 308, 310, 313 e 418

Gama
→ Terça (16) e quinta (18): Quadra 5 do Setor Oeste; Residencial Paraíso; quadras 2, 8, 12 e 50 do Setor Leste; quadras 41, 42 e 43 do Setor Leste e Quadra 1 do Setor Sul

Brazlândia
→ Quarta (17): quadras 1 a 6 do Setor Norte; quadras 1 a 6 do Setor Veredas; quadras 33, 34, 35, 36 45, 46, 56 e 57 da Vila São José; quadras 7, 9, 11, 12, 13 e 21 do Setor Tradicional; quadras 1, 2 e 4 do Setor Sul; quadras 3 e 6 do Setor Tradicional

Taguatinga
→ Quarta (17): quadras QNL 19, 23, 24 e 30; QNMs 34 e 40; Setor de Oficinas


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Ceilândia
→ Quinta (18): QNOs 3, 5, 7, 9 e 18; QNP 22, Vila Pelezinho e Chácara Nossa Senhora Aparecida

Asa Sul
→ Sexta (19): quadras 105, 109, 115, 204, 213, 304, 412, 414, 707 e 714

Cruzeiro
→ Sexta (19): Quadra 10 e quadras 3, 4, 7 e 8 do Cruzeiro Velho

Lago Sul
→ Sexta (19): QL 20 e QIs 13, 23, 26 e 29


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sudoeste
→ Sexta (19): Quadra 102

Samambaia
→ Sábado (20): QRs 114, 318, 408, 410, 501, 502, 504, 506, 601 e 611.

Boletim epidemiológico

“A aplicação do controle químico pesado, o fumacê, só pode ser feita sem chuva, preferencialmente das 4h às 6h e das 17h às 19h”, detalha o gestor da Dival. “Além de ser fisiologicamente melhor, mais eficiente em relação ao mosquito, tem a questão climática, com uma condição de vento melhor, e o produto fica suspenso mais tempo. A chuva atrapalha, e qualquer contato com a água faz perder a eficácia do UBV.”

A Secretaria de Saúde (SES-DF) é a responsável pelo cronograma e aplicação do produto, considerado o último recurso no combate à dengue. Jadir Costa Filho explica: “Ele funciona como uma espécie de bala de prata, serve para conter o foco, funciona como um bloqueio. A aplicação é feita de acordo com dados do boletim epidemiológico; são critérios técnicos”.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Para a população, é recomendável que, ao perceber a presença do veículo de aplicação do fumacê na rua, abra portas e janelas para o produto entrar. Isso torna o inseticida mais eficiente, uma vez que os mosquitos gostam de ambientes escuros, de sombra, e 94% das larvas são encontradas nos imóveis.

“O principal cuidado continua sendo a pessoa cuidar do jardim, do quintal, não deixar os recipientes acumular água”, ressalta o diretor da Dival. “Se cada um cuidar do seu espaço, vamos conseguir vencer a dengue.”

As informações são da Agência Brasília


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Fonte: JBR

Fique ligado em tudo o que acontece em Brasília

Cadastra-se para receber atualizações exclusivas, novidades e descontos exclusivos.

Você sabia que o Agita Brasília está no Facebook, Instagram, Telegram, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.