Pesquisar
Close this search box.

Dia Internacional do Voluntariado ganha homenagem na CLDF

O evento reuniu diferentes instituições, pacientes, profissionais de saúde e convidados. As moções de


O evento reuniu diferentes instituições, pacientes, profissionais de saúde e convidados. As moções de louvor foram para os trabalhos desenvolvidos pelos voluntários

Na manhã desta terça-feira (5), a Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) realizou uma sessão solene em comemoração ao Dia Internacional do Voluntário. O evento reuniu diferentes instituições, pacientes, profissionais de saúde e convidados. As moções de louvor foram para os trabalhos desenvolvidos pelos voluntários dentro da rede pública.

Hoje, mais de 600 voluntários sociais atuam, por exemplo, no Hospital de Base (HBDF), por meio de quatro associações: Serviço Auxiliar de Voluntários (SAV), Movimento de Apoio ao Paciente com Câncer (MAC), Associação Amigos do HBDF e Rede Feminina de Combate ao Câncer. Uma das homenageadas, Miriam Nery está na coordenação de entrega de cestas básicas da Rede Feminina. “O voluntariado é uma experiência de aprendizado, onde você oferece amor, mas acaba recebendo muito mais”, disse. Segundo Miriam, no mês passado, foram distribuídas 670 cestas no hospital.

Há 25 anos na Rede Feminina, Veralúcia da Silva, mais conhecida como Verinha, também recebeu a moção. No papel de coordenadora da associação, o projeto se tornou a sua segunda casa. “Buscamos proporcionar amor aos pacientes que nos procuram. É um momento singular pelo qual só podemos expressar gratidão. Estou na Rede diariamente para auxiliar aqueles que precisam, seja com palavras, abraços ou distribuindo cestas básicas. O fundamental é oferecer o melhor de si, pois, ao doarmos o melhor, também recebemos o melhor”, avaliou.

Participando da Rede há 3 meses, Laís Helena Teixeira realiza visitas aos leitos para conversar com os pacientes e acolher os acompanhantes. “O objetivo não é apenas apoiar o usuário, mas também a família, pois sabemos que a doença acaba fragilizando como um todo. O propósito da iniciativa é tentar enxugar as lágrimas e espalhar sorrisos”.

Hoje, a Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) conta com mais de 1.300 pessoas em programas de voluntariado social e profissional. Predominantemente formado por profissionais voluntários, o grupo contribui com seus conhecimentos técnicos e oferece suporte na assistência aos pacientes atendidos em uma das 12 unidades habilitadas como o Hospital de Apoio de Brasília (HAB), o Hospital Materno Infantil de Brasília (Hmib), o Hospital Regional de Brazlândia (HRBZ), o Hospital Regional da Ceilândia (HRC), Hospital Regional de Taguatinga (HRT), entre outros.

Reconhecimento

Durante a sessão solene, a gerente do Voluntariado (Gevol) da SES-DF, Rafaela Monteiro, representou a gestora da pasta, Lucilene Florêncio, e enfatizou a importância do voluntariado, especialmente ao bem-estar dos pacientes. “Tanto os voluntários sociais quanto os profissionais na SES-DF desempenham papéis essenciais, proporcionando apoio técnico e emocional aos usuários, refletindo de forma positiva no tratamento e na melhora clínica. Como ex-voluntária, reconheço a gratificação dessa experiência”, ressaltou.

Ainda no início da homenagem, a deputada distrital Dayse Amarílio, responsável pela sessão, ressaltou que o voluntariado é um trabalho fundamental, mas pouco notado. “Trata-se de uma atuação que, muitas vezes, recebe quase nenhum reconhecimento. Esse momento é só um pedacinho da homenagem para falar sobre o que vocês fazem”, lembrou.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A mesa da solenidade foi composta ainda pelo gerente-geral de Assistência do HBDF, Guilherme Porfirio; pela gerente Multiprofissional do HBDF, Nieja Bartira Nogueira; pela presidente do MAC, Regina Selma Sousa; pela presidente do Instituto Diabetes Brasil, Jaqueline Correia; pela diretora clínica do Instituto Grupo de Prevenção, Educação e Controle do Diabetes e Hipertensão (Grupedh), Karla Daniela Ferreira; e pela paciente, usuária dos serviços voluntários da Rede Feminina Maria de Fátima Cardoso.

Voluntariado

Criado pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 1985, o Dia Internacional do Voluntário é celebrado em 5 de dezembro, com o objetivo de estimular e promover ações voluntárias em todo o mundo.

*Com informações da Agência Brasil.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Fonte: JBR

Fique ligado em tudo o que acontece em Brasília

Cadastra-se para receber atualizações exclusivas, novidades e descontos exclusivos.

Você sabia que o Agita Brasília está no Facebook, Instagram, Telegram, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.