Pesquisar
Close this search box.

Esta é a mistura do Brasil com os States

Hoje vamos um pouquinho mais ao sul para falar de um outro modelo de

Rodízio com Costelada - Costelaria Gaúcha

Hoje vamos um pouquinho mais ao sul para falar de um outro modelo de rodízio, bem diferente do que eu trouxe na semana passada. A coluna de hoje traz a mais recente novidade da Costelaria Gaúcha, localizada no Setor de Clubes Sul, próximo à Ponte JK.

Foto: No ponto certo / Crédito: Divulgação

O local, conhecido pela small farm, onde crianças e adultos se divertem com bichos e clima de fazenda durante o dia, agora, aposta na Costelada para atrair o público no jantar. O formato consiste em um rodízio de carnes que une o tradicional churrasco sulista ao método de preparo norte-americano Pit Smoke, no qual a fumaça da madeira passa sabor, facilita o controle da temperatura da carne por longos períodos e a defuma no processo.

 

Foto: guarnições fartas / Crédito: Divulgação

Na Costelaria, o cliente paga o valor fixo de R$ 69,90 e aproveita diversos cortes, como acém, cupim, costela bovina, brisket, linguiça cuiabana e frango à vontade, assim como os acompanhamentos: arroz de costela, maionese, pão de alho, feijão-de-tropeiro, mandioca cozida, batata e mandioca fritas, croquete e pastel.

Confesso que quase não acreditei no valor quando o rodízio começou. Todas as carnes chegaram em pontos excepcionais, com uma defumação impecável que agregou muito, inclusive ao cupim, que muitos rejeitam por não terem provado um bem feito de fato. As guarnições não ficaram atrás na questão de sabor e qualidade, em especial o arroz de costela e o croquete, que chegou crocante por fora, bem molhado por dentro e em tamanho farto.

Foto: Variedade de cortes no rodízio / Crédito: Divulgação

Deixo a dica da parcimônia nos acompanhamentos antes da carne chegar, pois é muito fácil se empolgar, praticamente jantar só eles e, sem perceber, ficar satisfeito antes da hora. O ambiente rústico pode causar uma estranheza ao primeiro impacto, que logo é dissolvido também pela boa música ao vivo, no volume correto e com uma setlist que vai te embalando ao longo da noite.

Provei tudo com um vinho de rótulo próprio da casa, de uva Tannat, produzido na fronteira do Brasil com o Uruguai. Ele segurou bem as várias receitas e até as carnes mais gordurosas.

A Costelada é servida sempre de segunda a sexta, a partir das 19h. Para crianças, o valor é diferenciado, de acordo com a faixa etária até 12 anos.O post Esta é a mistura do Brasil com os States apareceu primeiro em Jornal de Brasília.

Fique ligado em tudo o que acontece em Brasília

Cadastra-se para receber atualizações exclusivas, novidades e descontos exclusivos.

Você sabia que o Agita Brasília está no Facebook, Instagram, Telegram, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.