Pesquisar
Close this search box.

Fábrica Social encerra 2023 com mais de 160 alunos certificados

‌O esforço em sala de aula resultou na confecção de 14.746 peças, entre camisetas,


‌O esforço em sala de aula resultou na confecção de 14.746 peças, entre camisetas, camisas gola polo, lençóis, aventais, jalecos, ecobags, birutas e outras

O programa Fábrica Social, do Governo do Distrito Federal (GDF), finaliza o seu décimo ano com 169 alunos certificados nos cursos de corte e costura, bordado e serigrafia. Desde 2013, o projeto, coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda (Sedet-DF), já capacitou mais de 7 mil pessoas.

‌O esforço em sala de aula resultou na confecção de 14.746 peças, entre camisetas, camisas gola polo, lençóis, aventais, jalecos, ecobags, birutas e outras. As ecobags foram produzidas a partir de uniformes dos garis do Serviço de Limpeza Urbana (SLU). O programa também vai assumir a produção do enxoval dos hospitais públicos do DF, como lençóis e fronhas, conforme anunciado em setembro.

Projetos de qualificação

“Fora a capacitação profissional, a Fábrica Social desenvolve outro papel: o de apoio a outros órgãos do governo”, aponta o titular da Sedet-DF, Thales Mendes. “Este ano, confeccionamos enxovais para a rede hospitalar pública do Distrito Federal, atendendo à Secretaria de Saúde, e também uniformes para atender às administrações regionais.”

Ainda segundo o secretário, estão em andamento as tratativas para oferecer também o curso de fabricação de pré-moldados. A última turma de 2023 termina em março do ano que vem e reúne 273 pessoas. Além disso, já estão matriculados mais 276 alunos para as turmas subsequentes.

“Para 2024, temos projetos de novos cursos de qualificação e que, certamente, vão atender e dar apoio a outras áreas da sociedade”, anuncia o secretário, lembrando que o programa dá ao aluno a oportunidade de traçar novos caminhos. “Na Fábrica Social ofertamos qualificação profissional na prática, desde o primeiro dia de curso até o último. Assim, os alunos saem aptos para entrar no mercado de trabalho.”

Estrutura

A Fábrica Social fica na Cidade do Automóvel e possui 470 máquinas de costura industriais, como caseadeiras, galoneiras, overloque, interlock, máquinas de costura reta, refiladeiras e pespontadeiras. Tudo para possibilitar ao aluno o aprendizado e a experiência de uma unidade têxtil completa. O desenvolvimento do conteúdo programático dos cursos, bem como o acompanhamento pedagógico, é feito por uma organização da sociedade civil (OSD) contratada por meio de termo de colaboração.

Podem participar famílias registradas no Cadastro Único (CadÚnico), com renda familiar per capita de até R$ 200. O curso tem duração de 12 meses, com aulas de segunda a sexta, das 8h às 12h ou das 14h às 18h, e os participantes recebem uniforme, lanche, auxílio de R$ 304 e vale-transporte. Novas inscrições são divulgadas na Agência Brasília e no site da Sedet-DF.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

As informações são da Agência Brasília



Fonte: JBR

Fique ligado em tudo o que acontece em Brasília

Cadastra-se para receber atualizações exclusivas, novidades e descontos exclusivos.

Você sabia que o Agita Brasília está no Facebook, Instagram, Telegram, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.