Festival ‘Made In Japan’ chega à 4ª edição no DF

 

Música. Comida. Arte. Esses são apenas alguns dos atrativos que o Festival Made In Japan promete trazer para Brasília no final desse mês. Nos dias 30 de setembro, 1º e 02 de outubro o Pavilhão de Exposição do Parque da Cidade vai receber tudo que a cultura nipônica tem a oferecer.

O evento, que conta com muita arte, moda, gastronomia, artesanato e música, traz para os palcos da capital federal artistas expoentes da cultura nipo-brasileira como Edson Saito, Humberto Kenji Sasasaki e Cíntia Nishimura, Pamela Yuri, além dos tradicionais tambores japoneses. 

E não para por ai. Totalmente inclusivo, o espaço também é aberto para as pessoas que fazem cosplay, e para grandes dubladores brasileiros. Entre eles, Mauro Horta que deu voz ao personagem Thor. O evento ainda conta com apresentações da seleção brasileira de sumô e ilusionismo oriental. O objetivo, com isso, é promover um intercâmbio cultural entre Brasil e Japão, e valorizar a cultura nipônica. 

Para quem gosta de boa comida, também tem atração. A ala gastronômica do evento é um espetáculo à parte, e conta com pratos típicos da culinária oriental, como sushi, sashimi, temaki, yakisoba, lamen, takoyaki, donburi, gyoza, harumaki, karaage, tempurá, udon, entre outras delícias, todos produzidos pelos melhores estabelecimentos da cidade. Goemon Restaurante, Donburi, Rosa Takematsu, Yum Yum, Frango Hardy, Pastel Nakazone, Fuji San, Shima Café, Leslei Terabe estão entre os restaurantes confirmados no festival.

Quem não perde o festival desde a sua segunda edição no quadradinho é Adna Ribeiro. Apaixonada pela cultura nipônica, ela foi se encantou com o festival de primeira, e conta que, desde então, não perdeu uma edição. “É sempre muito bem arquitetado, com muitas atrações legais e diferenciadas. É uma oportunidade e tanto de conhecer um pouco sobre essa cultura que é tão forte e presente na nossa cidade”, diz a empresária de 29 anos. 

Segundo Eduardo Lima, organizador do evento, o objetivo do Made In Japan deste ano é conseguir fazer com que as famílias curtam o festival e possam se reaproximar e matar a saudade ocasionada por esses anos que foram perdidos na pandemia. “As expectativas sempre são as melhores possíveis, esperamos representar a cultura nipônica da melhor forma possível e que sejam dias incríveis”, comenta. Ainda de acordo com ele, o diferencial deste ano é uma sala de games com vídeo games retrôs para que os pais também aproveitem com os filhos. “neste ano a gente tem priorizado muito atividades que as pessoas possam fazer em família”, acrescenta. 

A ideia do festival, como Eduardo salienta, é trazer para Brasília um pouco mais das tradições e belezas da cultura japonesa. “Os brasilienses poderão não só conhecer a gastronomia, mas também cantores japoneses, artesanato e muito mais. O evento é uma verdadeira viagem à terra do sol nascente para aproveitar com a família toda”, convida o responsável. 

Cerca de 2 milhões de descendentes japoneses moram no Brasil, o equivalente a dois terços da população do Distrito Federal, enquanto cerca de 200 mil brasileiros vivem na terra do sol nascente atualmente. De acordo com o portal Nippo Brasília, primeiro site sobre cultura japonesa no DF e cujo objetivo é melhorar a comunicação e a divulgação das entidades nipo-brasileiras e, principalmente, promover, com eficiência, a cultura e a tradição nipônica no DF, a comunidade japonesa do DF está estimada em 8 mil nikkeis. 

Os ingressos custam R$40 (inteira) e R$20 (meia) e podem ser adquiridos antecipadamente pelo Furando a Fila. “A gente acredita que agora nós vamos viver uma época de muita unificação, é isso que estamos apostando, que as famílias possam se divertir juntas, que as famílias possam matar esse tempo perdido, repor esse tempo perdido”, finaliza Eduardo. 

Serviço

MADE IN JAPAN

Datas e horários:

30 de setembro das 18 às 00h

1 de outubro  das 11 às 00h

2 de Outubro das 11 às 20h

Local:  Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade

Ingressos: R$ 20 (meia) e R$ 40 (inteira)

Classificação indicativa: livre

Informações e ingressos antecipados: https://www.furandoafila.com.br/

*Tem direito a meia entrada  os casos previstos em lei (idosos, estudantes, jovens de baixa renda, professores etc).

 

Generated by Feedzy