Palmeiras empata e amplia série negativa antes de final da Libertadores

O Palmeiras empatou com o Atlético-MG por 2 a 2 na noite desta terça-feira (23), no Allianz Parque, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Wesley e Deyverson marcaram para os alviverdes, Zaracho e Hulk anotaram a favor dos atleticanos.

Com o resultado, a equipe do técnico Abel Ferreira soma sua quarta partida consecutiva sem vitórias às vésperas de seu jogo mais importante na temporada: a final da Copa Libertadores, no sábado (27), em Montevidéu, contra o Flamengo. O clube, atual campeão continental, busca o tricampeonato da América.

O empate em casa se junta às derrotas contra Fluminense (2 a 1), São Paulo (2 a 0) e Fortaleza (1 a 0), todas pelo Brasileiro, sequência que pressiona o time paulista antes da decisão no Uruguai -mais pelo rendimento do que pelos resultados no Nacional.

Já o Atlético-MG está muito perto de conquistar o título brasileiro. Líder com 75 pontos, tem oito de vantagem sobre o segundo colocado, o Flamengo, que empatou com o Grêmio em Porto Alegre, também por 2 a 2.

Vitória do time de Cuca no domingo (28), sobre o Fluminense, no Mineirão, e tropeço dos rubro-negros na terça (30), diante do Ceará, confirma a taça ao clube mineiro com três rodadas para o fim do campeonato.

Nesta terça, recheado de reservas, o Palmeiras abriu o placar com Wesley, aos 27 minutos de jogo. O atacante recebeu lançamento de Gabriel Veron, cortou o lateral Guga e finalizou cruzado para marcar o primeiro dos donos da casa.
Mas durou pouco a vantagem alviverde. Aos 35, Zaracho aproveitou rebote do goleiro Jailson após chute forte de Arana e deixou tudo igual no Allianz.

Na etapa final, o árbitro Anderson Daronco, com ajuda do VAR, viu toque de mão de Junior Alonso em finalização de Danilo Barbosa e marcou pênalti. Patrick de Paula, que vem de erro na derrota para o São Paulo no clássico, cobrou para a defesa de Everson.

Porém, na sequência, os palmeirenses contaram com a saída ruim do goleiro atleticano em escanteio e Deyverson, após cobrança de Patrick, cabeceou para recolocar o Palmeiras na frente, aos 11.

Assim como no primeiro tempo, contudo, a equipe de Abel não conseguiu segurar por muito tempo o resultado favorável. Quatro minutos depois do gol de Deyverson, Hulk aproveitou uma bola na entrada da área e chutou com força, no canto de Jailson, para empatar de novo e marcar seu 15º gol no Campeonato Brasileiro, número que o coloca como artilheiro da competição.

O Palmeiras, que foi a 59 na terceira colocação do Nacional, viaja para Montevidéu nesta quarta (24). O clube vai em busca do bicampeonato consecutivo da Copa Libertadores, o terceiro título de sua história no torneio continental.

PALMEIRAS
Jailson; Marcos Rocha, Kuscevic, Renan e Jorge (Victor Luis, aos 26 do 2º); Patrick de Paula, Danilo Barbosa e Gabriel Menino (Matheus Fernandes, aos 27 do 2º); Wesley (William, aos 32 do 2º), Gabriel Veron (Breno Lopes, aos 26 do 2º) e Deyverson. T.: Abel Ferreira

ATLÉTICO-MG
Everson, Guga (Mariano, aos 14 do 1º), Alonso, Nathan Silva e Guilherme Arana; Allan, Jair (Vargas, aos 14 do 2º), Zaracho e Nacho Fernández (Tchê Tchê, aos 27 do 2º); Hulk e Diego Costa (Keno, no intervalo). T.: Cuca

Estádio: Allianz Parque, São Paulo (SP)
Juiz: Anderson Daronco (RS)
Gols: Wesley, aos 27min do primeiro tempo, e Deyverson, aos 11min do segundo tempo (Palmeiras); Zaracho, aos 36min do primeiro tempo, e Hulk, aos 15min do segundo tempo (Atlético-MG)
Cartões amarelos: Marcos Rocha, Gabriel Menino, Renan e Deyverson (Palmeiras); Diego Costa, Nacho Fernández e Junior Alonso (Atlético-MG)

O post Palmeiras empata e amplia série negativa antes de final da Libertadores apareceu primeiro em Jornal de Brasília.