Pesquisar
Close this search box.

Para mais segurança, PMDF receberá kits táticos de socorro pré-hospitalar

Visando a segurança e bem-estar dos policiais militares, o Governo do Distrito Federal (GDF)

Visando a segurança e bem-estar dos policiais militares, o Governo do Distrito Federal (GDF) e a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) anunciaram investimentos na aquisição de kits de Atendimento Pré-Hospitalar Tático (APH-T).

A medida tem o intuito de garantir cuidados essenciais aos agentes que possam ser feridos em situações de combate e emergência. O Atendimento Pré-Hospitalar Policial, direcionado a danos penetrantes causados por armas de fogo, facas ou explosões, é crucial em áreas de combate, situações de assalto, tiroteios e conflitos similares. Os procedimentos de socorro são adaptados para lidar com ameaças simultâneas, dado o alto risco dessas situações.

De acordo com o capitão da PMDF Carlos Saquetti, a frente do recebimento dos kits, a rapidez e a eficiência do atendimento pré-hospitalar são determinantes para a minimização de sequelas após traumas, então o tempo é crucial.

“Numa situação de emergência em que o policial esteja com hemorragia, por exemplo, dependendo da distância, o tempo de sobrevida é de 30 segundos. Precisa ter o equipamento para fazer uma autoaplicação ou um colega por perto para fazê-la, dando tempo de o socorro chegar”, explica Saquetti.

Os kits vêm com torniquete, tesoura de ponta romba, manta térmica, gazes de preenchimento com agente hemostático, bandagem israelense, selo de tórax e a própria bolsa com os itens, para ser carregada no colete. Cada conjunto é avaliado em torno de R$ 1.500.

Fique ligado em tudo o que acontece em Brasília

Cadastra-se para receber atualizações exclusivas, novidades e descontos exclusivos.

Você sabia que o Agita Brasília está no Facebook, Instagram, Telegram, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.