Download Free FREE High-quality Joomla! Designs • Premium Joomla 3 Templates BIGtheme.net

Selo comemorativo aos 20 anos de respeito ao pedestre

O Detran-DF homenageia personalidades que, de alguma forma, contribuíram para a implantação da faixa de pedestre em Brasília

Na ocasião, o diretor regional da Empresa de Correios e Telégrafos, Rogério Curado, lançou o Selo Comemorativo dos 20 anos de respeito à faixa e se declarou honrado em fazer parte da homenagem. “É uma satisfação muito grande participarmos deste momento”. Disse o diretor, lembrando que este símbolo de cordialidade só é possível quando o órgão interage com a sociedade.

Idealizador da faixa de pedestre

O Coronel Renato Azevedo, falecido em novembro de 2012, foi o homenageado especial da solenidade, por ser o grande idealizador do projeto. Ele foi o primeiro a lançar a ideia da preservação da vida por meio do respeito ao pedestre e o responsável pela campanha “Pare na Faixa”, que contribuiu para a imediata redução de mortes no trânsito do Distrito Federal.

Como Comandante do Batalhão de Trânsito, Coronel Azevedo e os policiais de trânsito, realizaram um trabalho de conscientização que contou com a fiscalização nas faixas, a distribuição de flores e a apresentação de peças teatrais, até a efetiva aplicação de multas.

Durante a cerimônia, o diretor-geral do Detran, Silvain Fonseca, destacou a importante participação do Coronel Azevedo nesse grande desafio e ressaltou o empenho do Detran para garantir a manutenção desse símbolo de respeito ao pedestre e a permanente segurança nas vias.

Mudança cultural

Já o secretário de Segurança Pública, Edval Oliveira Novaes Júnior, enalteceu a mudança cultural ocorrida em Brasília e parabenizou o Detran pelo trabalho feito com afinco e carinho. “Que Brasília sirva de exemplo e que essa cultura seja cada vez mais disseminada em outras localidades do país”.

Ainda foram homenageados os ex-diretores do Detran Luis Miúra e Antônio Bonfim, o professor David Duarte, especialista de trânsito, o senador Cristovam Buarque, o comandante de Policiamento de Trânsito (CPTran), Coronel Souza Oliveira, o comandante-geral  do Corpo de Bombeiros, Coronel Hamilton Esteves Júnior, o chefe do 1º Distrito da PRF, Vandervaldo Gonçalves Lima, o representante da PCDF Cláudio Magalhães, e o diretor-geral do DER, Henrique Luduvice.

Redução de acidentes

O Detran reverencia esse exemplo de proteção à vida. Desde a sua implantação, o número de pedestres mortos no trânsito do DF reduziu 50%. Em 1996 – último ano antes da faixa – morreram 266 pessoas atropeladas, contra 132 no ano passado.

Memória

Símbolo de cidadania, a faixa de pedestre tornou Brasília uma referência nacional no que diz respeito à educação no trânsito. A preferência dada ao pedestre na faixa teve como marco o dia 1º de Abril de 1997, quando a ousadia fez valer esse importante direito do cidadão e orgulho dos candangos.

PUBLICIDADE

COMENTE

A responsabilidade do comentário é do autor da mensagem e não representa a opinião do Portal Agita Brasília.